Rate this post

Pesquise e destaque sempre as ideias essenciais do texto a ser estudado, sublinhando ou sinalizando palavras-chave. Existem teorias psicológicas da percepção humana que fundamentam essas técnicas, uma vez que é demonstrado que a memória é fixa e lembre-se mais e melhor daquelas que são destacadas. Portanto, é necessário que você não apenas conheça esta técnica, mas também que a domine e a use.

Estruture o conteúdo através de diagramas e tabelas sinópticas: O esquema é uma técnica que realmente esquecemos, mas que dá muito trabalho. Não é uma estratégia simples, pois depende diretamente de como o sublinhado e a leitura foram realizados.

Um esquema deve apresentar as ideias centrais do texto, claramente destacadas. Apresenta a estrutura do texto de maneira simples e lógica. Deve ter uma apresentação limpa e clara. O esquema destaca os principais pontos do texto e as subseções que você considera interessantes. Sinais são usados ​​para destacar idéias, sublinhando, etc.

Planeje seu ano letivo com sucesso

Processos de síntese: Na Universidade, uma das ferramentas mais importantes para dominar é o conhecimento para sintetizar em ideias fundamentais a grande quantidade de informação que é manuseada. O resumo é uma das atividades mais importantes e fundamentais do estudo.

Isso deve ser breve, mas completo com as idéias fundamentais e usando seu próprio vocabulário e maneira de estruturar as sentenças. É evidente que um bom resumo depende muito da compreensão e leitura do texto. Nossa memória é como um grande armário ou arquivo onde é evidente que encontraremos coisas melhores se as organizarmos de maneira lógica. Também é demonstrado que nos lembraremos mais e melhor do que entendemos.

Com um bom conjunto de resumos dos diferentes tópicos, você pode fazer uma revisão final muito positiva do que você estudou. É evidente que, em qualquer processo de estudo, a memória é um dos elementos fundamentais, mas o importante é entender a memória corretamente PROUNI.

Reter: Após uma segunda leitura e compreensão do que lemos, começa a se traduzir em nosso conteúdo de memória – visual e cognitivo. É muito importante que estes sejam bem estruturados – por epígrafes, capítulos, áreas que facilitem sua recuperação.

Consulte os seus dados no PROUNI

É nessa fase que o uso das estratégias vistas será muito útil: localizar as principais idéias, os esquemas ou os resumos. Lembre-se: quanto maior a compreensão e organização dos conteúdos de aprendizagem, mais fácil nos lembramos deles. E, claro, quanto mais freqüentes foram as revisões do assunto.

Podemos tentar colocar em nossa mente muito conteúdo, mas, como não revisamos o que estamos aprendendo, sempre sentiremos aquela sensação desagradável de “levar as coisas entre os pinos”.

E é que cada revisão que fazemos do estudado, ajuda a resolver, organizar e consolidar em nossa mente os conhecimentos adquiridos. Na falta de boas críticas são muitos dos exames de tropeço, por causa de falhas mentais ou confusão de termos.

Como comentamos no post geral das técnicas de estudo, é muito importante saber quando devemos usar uma técnica ou outra e sempre ter em mente que sua maior eficácia se torna aparente quando estão perfeitamente integradas a uma estratégia de estudo adaptada às nossas necessidades. Então, vamos começar com nossa estratégia ou plano de comportamento, onde as técnicas serão integradas.